Carro-robô policial conta com um drone próprio para perseguir bandidos

omo em um filme de ficção científica, o carro-robô policial desenvolvido pela companhia de Sinapura Otsaw é compacto e repleto de tecnologia. O aspecto futurista do possante conta com sensores capazes de identificar a presença de uma sacola suspeita no perímetro, soando um alarme para que uma equipe especializada conduza a investigação, e um drone para perseguição de suspeitos.

O drone é o grande trunfo do OR-3 e trabalha em conjuto com outros recursos do veículo. Visto que o robô é capaz de diferenciar membros de uma equipe de segurança de pessoas comuns, ele pode identificar um intruso na região onde atua, enviando uma pequena aeronave não tripulada a até 100 metros de distância. Assim, os agentes de segurança podem ter uma ampla visão aérea da região (e dos suspeitos) mesmo quando obstáculos impedirem a sua progressão.

Como a expectativa do governo de Singapura é de que os robôs conquistem cada vez mais importância no âmbito da segurança, os planos da Otsaw encontram eco por lá. A companhia disponibiliza um O-R3 por meio de aluguel mensal de US$ 10 mil, o que permite tranquilamente utilizar o robô em algumas tarefas simples, como patrulhamento de áreas.

Segundo o presidente da fabricante Ling Ting, a intenção não é que a sua máquina roube postos de trabalho de seres humanos. O executivo afirma que o objetivo de seu equipamento é justamente servir de apoio complementar ao trabalho de agentes humanos, atuando em funções mais básicas e permitindo que pessoas de verdade realizem ações que exigem mais inteligência e habilidade.

 

Fonte: Tecnomundo



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *